Pular para o conteúdo principal

AVENA SATIVA - ENTRE O VÍCIO E A DEPENDÊNCIA

AVENA SATIVA E A SUA PERSONALIDADE HOMOPÁTICA

Mais conhecida como aveia simples, esse alimento que tem servido a humanidade durante anos é a nossa próxima linha de estudos para a personalidade homeopática.

Assim essa medicação tem sido apresentada. Muitos só a conhecem em vitaminas, pães e sopas. Avena sativa é muito mais, ela possui uma personalidade, um encontro com os sentimentos dos seres humanos.
Fisicamente falando é um dos melhores alimentos para se manter o intestino limpo e livre de complicações, infecções e inflamações, é a água de aveia.

AGUA DE AVEIA:

A noite, coloque um copo de água filtrada e uma colher de sopa de farinha de aveia – não precisa mexer. Tampe e deixe passar a noite aí. Pela manhã a farinha se assentou no fundo do copo, sendo assim tome a água, as fibras estão lá e são uma verdadeira faxina para o intestino. Caso você tenha o intestino meio solto, prefira comer a aveia. Se der diarréia, pare por uns dias. Depois use-a de forma preventiva: duas noites seguidas.

 EXTRATO COMUMENTE USA E SUA APLICAÇÕES

"O extrato de aveia fresca é mais potente que o "Oatstraw" comumente vendido. Alta concentração em sais minerais que alimentam e restauraram os nervos. O estresse crônico que leva ao "desgaste" e esgotamento dos nervos. Neurastenia. A fadiga crônica. Depressão. Insônia. Agitação nervosa. Tireóide deficiência. O tabaco, nicotina e retirada da droga. A impotência sexual, frigidez, baixa libido. Osteoporose. Pobre de desenvolvimento em crianças. Musculares e fragilidade óssea. Chefe do nariz, o frio escorrendo".

AVENA SATIVA
HOMEOPATICAMENTE FALANDO

1. O mental dessa medicação é regido pela extrema dificuldade e até inabilidade de fixar a sua atenção sobre um problema. Até aí tudo bem né? Nada disso. Isso só ocorre devido a distúrbios sexuais. 

2. Possui dificuldade de pensar.

3. Entra em estado de esgotamento nervoso, devido a doenças, vícios e fraqueza sexual.

4. É extremamente dependente de vícios, não de pessoas.

Agora vamos desmembrar isso juntas (os); vejamos:

Essa medicação tem traços mentais fortes que são ligados a traços físicos fortes, ou seja, desequilíbrios prementes, claros.

A fraqueza e esgotamento de Avena sativa são em primeira mão, porque o sexo não vai bem,  e o sexo não vai bem pelo uso de drogas, álcool, ou dependência química – medicamentosa.



Traduzindo, sente falta do sexo, precisa e quer fazer sexo, mais não consegue, sente fraqueza. Enquanto isso não é resolvido entra em ação um turbilhão de pensamentos e não consegue definir nenhuma prioridade, causa ou efeito. Não fixa a atenção no problema. Não fixa a atenção em nada.

D.B.S. é um Avena Sativa de primeira, se desespera só de imaginar que não consegue a quantidade de vezes que seus amigos dizem que dão conta numa noite. É novo, tem 24 anos e uso regular de maconha e álcool, depende de remédios o tempo todo e tem hiper sensibilidade a dor. Qualquer coisa tem de tomar um remédio. Já perdeu provas na faculdade e a faculdade também, por não conseguir fazer provas. Perde a atenção, não fixa a idéia, não consegui transar na noite anterior. Ligou às 10 da manhã, pedindo um remédio que o deixasse ativo sexualmente. Isso é Avena sativa.

Quanto ao seu esgotamento nervoso, além de ser por ineficiência sexual, as doenças o afetam muito, abalando rapidamente seu sistema nervoso. O efeito da abstinência é claramente observado por tremores, incapacidade de se ater a um assunto, dores fortes e por apresentar baixa da pressão arterial.

Sendo assim é comumente usado por pessoas que queiram fixar melhor o pensamento, servindo de tônico para a recuperação de doenças desgastantes.

A informação relativa à morphinomania é dada pelos estudos de Clark sobre a Avena sativa, sendo muito valioso para superar o vício em drogas, a dependência química, o alcoolismo, pois apresenta uma ação calmante e agradável, tanto quanto a morfina, sem criar o hábito. Neste caso é o próprio Clark que indica 15 gts de tintura de Avena sativa em uma xícara de água quente __ 4 x ao dia. Muito útil no combate ao alcoolismo.
A noite não é boa para essa personalidade, mais dormir é. Ele não precisa pensar.

O café para ele faz o papel de vilão, pois piora tudo.

Comumente usado após a paralisia diftérica. Tremores senis, Parkinson, Epilepsia e Coréia são boas indicações para Avena Sativa. No caso da personalidade há um descontrole do sistema nervoso central, pelo excesso.

Avena sempre comete excesso, nos remédios, são muitos, nas drogas também, no sexo idem e acaba por prostrar, é aí que sua confusão acontece, que sua falta de direcionamento acontece.

Geralmente dormem bem, quando dormem não pensam.

Sente ardor e dor na coroa – no período menstrual.

Especialmente indicado nas insônias provocadas pelo alcoolismo.

Uma curiosidade: Avena Sativa não aperta a sua mão, ela não tem força. Essa sensação acompanha Avena, ela se acha incapaz de conseguir lutar contra tudo isso, mais não se preocupa. Sua única preocupação é manter o vício.
Geralmente são bem relacionados com os que são iguais a ele. No auge da crise podem ter uma força física absurda.



Avena não sente falta de ninguém ... sente falta dos seus vícios.
vício é um hábito repetitivo que leva a degeneração e dependência física e mental.

Todo tratamento de dependencia química de qualquer natureza, precisa de acompanhamento médico e muito carinho.

Homeopatas dos Pés Descalços

As imagens foram retiradas da internet aleatoriamente, visando apenas a ilustração do tema; quem se sentir prejudicado por favor entrar em contato que retiraremos as imagens.





Postagens mais visitadas deste blog

IGNATIA AMARA - A CHAVE DO EQUILÍBRIO

IGNATIA AMARA  E A SUA PERSONALIDADE HOMEOPÁTICA
O excesso de luz cega a vista.
O excesso de som ensurdece o ouvido.
Condimentos em demais estragam o gosto.
O ímpeto das paixões perturba o coração.
A cobiça do impossível destrói a ética.
Por isso, o sábio em sua alma
Determina a medida de cada coisa.
Todas as coisas visíveis lhe são apenas
Setas que apontam para o Invisível.

(Tao-Te King, Lao-Tsé) Lao Tsé não tinha conhecimento de homeopatia, mais permeou o mundo das observações de forma intensa e clara, ajudou a dar uma nova visão ao ser humano e até hoje seja no oriente quanto no ocidente, viaja nas mentes de muitos. Ao ler seu pequeno texto a uns bons anos atrás e já com alguma bagagem de filosofia homeopática, me deparei com este, acima citado. Para mim a tradução mais poética de uma personalidade Ignácia. Homeopatas dos Pés Descalços 

Citemos Allen - "As pessoas mentalmente e fisicamente esgotados por uma dor concentrada e prolongada" (Allen) ou ainda "A alteração das condições …

GELSEMIUM - O REMÉDIO DAS GRANDES SENSIBILIDADES

PERSONALIDADES HOMEOPÁTICAS MAT. CEDIDA POR ELISA MACIEL COSTA/ESP.EM HOM/ACUPUNTURA/FITOTERAPIA

Pessoas com grandes fraquezas, com intensa prostração física e mental, chegando ao embotamento cerebral. Medo de cair e de adoecer[*] Histeria e neuroses, comoções e maus efeitos do medo, o remédio das grandes sensibilidades. Sonolencia dos estudantes, as mulheres apresentam  rouquidão durante a menstruação. Sente-se incapaz de enfrentar a vida cotidiana, Incapacidade para assumir responsabilidades, nervosismo de "ator", medo de exames dos estudantes, de aceitar novas tarefas. Evita as aflições da vida. É muito utilizado nas febres agudas ou intermitentes em que há um desejo absoluto de repouso. Na sua grande maioria apresenta ausência de sede, sem calafrios ou suores, piorando à tarde. Seu uso facilita o parto em situações de rigidez do colo uterino e alivia as cólicas menstruais muito fortes.  Apresenta fisicamente uma enorme falta de tônus muscular, torpor, lassidão e tremores, Par…

LYCOPODIUM CLAVATUM

LYCOPODIUM – o medo do conflito
Lycopodium é sem sombra de dúvida, uma das matérias médicas mais extensas dentro da homeopatia e mais interressantes também. Esse indivíduo tem as fases da sua vida bem marcadas, pois apresenta um grande estado distinto entre a infância, a idade mediana e sua idade mais avançada.
Entretanto o Lycopodium se encontra envolto pela covardia, tanto social, moral e física, o que permite ao homeopata analisar de forma cuidadosa essa personalidade, tendo em vista sua enorme capacidade de ser extrovertido, amigável e corajoso, qualidades essas opostas da sua real condição.
Por medo do conflito, Lycopodium foge covardemente.
Seu maior amor será pelo poder e com certeza irá chorar quando for homenageado. A criança Lycopodium
Quando alguém vai a sua casa o seu filho refugia-se por trás dos cortinados ou recusa-se a cumprimentar as visitas? Num primeiro contato é envergonhado? Sempre que o repreende fica com as lágrimas ao canto dos olhos? Tem medo de fantasmas e de dormi…