EUPATORIUM PERFOLIATUM, UNIDOS PELA DOR E O MEDO.

EUPATORIUM PERFOLIATUM
Personalidade Homeopática.

Essa personalidade crê, sem sombra de dúvida que irá perder a consciência, e isso ocorre a noite.
Ele quer se mexer, não pode ficar parado, especialmente no início da sua deficiência, entretanto se mover piora tudo, muito, sempre. É aí que desespera para parar qualquer movimento que seja. Neste quadro se instala a irritabilidade em alto grau e a ansiedade e desespero. Pelo que tanta agonia? DOR E MEDO.


Essa personalidade conhece a dor. Conhece o medo da dor e assim ele acaba por ficar deprimido e desanimado.
Eupatorium tem medo do sofrimento, da doença que vê chegando, tem medo da noite onde tudo piora. Dá pra entender o desespero e sua mente se desespera.
Febre e calafrios são comuns, entretanto sempre com gemidos, com lamento, com tristeza, com depressão e depois com inconsciência. 

A febre de Eupatorium o deixa inconsciente e ele sabe que isso vai acontecer a noite, ele vê a chegada da dor e por isso mesmo ele se desespera e sua mente se agita. Veja bem, a mente se agita, o corpo tem de parar, se não tudo piora. Kent o descreveu muito bem.
Talvez essa seja uma personalidade das mais difíceis de se desenhar.
Classicamente vemos Eupatorium assim:

Dores por todo o corpo como se fossem nos ossos, sem alívio com o repouso ou com movimentos. Rouquidão matinal. Náuseas com o cheiro de comida. Vômitos de bílis e diarréia.

Acredito que Eupatorium vomita bílis de dor.
Já a rouquidão matinal não nos acrescenta nada em especial, a não ser no fechamento dessa personalidade que deve ter dificuldade de falar, pois precisa se aquietar.
Não adianta sopinha, comidinha, chazinho, tudo isso fica lhe dá náuseas e isso é automático.
Dor sem posição, dor nos ossos, o “quebra ossos” da matéria médica, esse é Eupatorium e talvez por isso mesmo  ele seja o rei das dores no corpo seguida de gripe ou influenza.
Não é dor no corpo, como se tivesse levado uma surra (rhus tox), é dor no osso, como se estivesse sendo quebrado, é dor sem parada, constante.
Suas febres são altas e internitentes, sempre com muitas dores.
Nas crises de artrite, dores por todo o corpo e em todos os locais e membros.

Dores reumáticas, especialmente daqueles que habitam em locais úmidos, rios, pântanos e comumente onde a temperatura é muito baixa (neve), ou seja, em áreas miasmáticas. Mais uma combinação de frio e depressão.

Começa com a sensação de frio, como se os ossos estalassem “Kent” e desejam se meter de baixo de algo que os esquente, pois o frio parece que o toma todo. Eupatorium gela por dentro, não está insensível, não embota o cérebro, tenta desesperadamente que a dor deixe seu corpo. 

Sua evolução pode apresentar além dos vômitos biliosos, dores de cabeça como um grande peso, o que é normal em gripes e resfriados. A pneumonia também não é um quadro estranho, não só pelo quadro físico em si, mas pelo acumulo de líquidos, frio, depressão e quietude. 

Afecções severas do fígado e tudo o que quiser imaginar sobre sintoma de gripe, essa plantinha toma conta e toma bem. Nas dores de cabeça especialmente depois que se deita ou depois de transpirar. Aparecem muito no Desgaste constitucional por Embriaguês, na sua fragilidade, qualquer movimento lhe faz mal.


Folhas em lados opostos do caule são unidos na base, envolvendo o caule.

Uma curiosidade: as folhas dessa planta, abraçam o caule, são unidas e não separadas. assim é essa personalidade, está unida a dor, a dor que quebra seus ossos, a sensação da eminencia da dor e a certeza desesperadora de que ela virá. Envolta em dor e medo essa personalidade se alimenta.

Em chá ou homeopatizado na ch 6, essa medicação é realmente fantástica, impedindo que no avanço de uma simples gripe, ocorram processos secundários graves.
só não se esqueçam: essa personalidade existe e se mostra na dor e no medo.
Natrum Muriat. Sépia e Tuberculinum são medicações e ou PERSONALIDADES que o seguem bem a Eupatorium.
Homeopatas dos Pés Descalços

Comentários

  1. Superb blog post, I have book marked this internet site so ideally I’ll see much more on this subject in the foreseeable future!

    ResponderExcluir
  2. Thank you for visiting dear anonymous. We are happy to help. A hug, the team.

    Homeopatas dos Pés Descalços

    Obrigada pela visita caro anônimo. Ficamos felizes em ajudar. Um abraço, a equipe.

    Homeopatas dos Pés Descalços

    ResponderExcluir
  3. I really liked the article, and the very cool blog

    ResponderExcluir
  4. Nós é que agradecemos pelo retorno. Fique a vontade, estamos todos nessa caminhada.
    A equipe,
    Homeopatas dos pés descalços

    We are grateful for the return. Feel free, we're all in this walk.
    The team of Homeopaths, barefoot

    ResponderExcluir
  5. Olá equipe! Sempre passo por aqui para dar uma olhada nos posts. Estou estudando sobre homeopatia, por isso acho os textos bem interessantes. Mas tenho andado desanimada pois há cerca de 2 meses tenho tido resfriados consecutivos, praticamente toda semana. Não consigo me curar. Já tentei várias homeopatias, tentei inclusive um composto homeopático chamado Oscillococcinum 200K. Mas não resolve. Estou segurando para não recorrer a alopatia, mas estou bastante desanimada. Essa semana estou desde terça assim, coriza, dores no corpo, expectorando um catarro amarelho, dores no peito. Os sintomas ao invés de diminuirem estão piorando, não paro de espirrar, já gastei uma caixa inteira de lenços. E o pior de tudo é ter que dar conta de dois empregos assim, doente toda semana. O que vocês me indicam?
    Um abraço! Camila

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Camila,

      Pense assim, na homeopatia, o que vale e o que conta não é o imediatismo e sim a faxina completa.

      dicas:

      *retire o leite da alimentação,
      *tome 1 xícara de chá de sabugueiro ou sabugueiro na dh 1 - 30 gts em água ao dia.
      *tome cuidado porque pode ser alérgica ou dengue.
      *pare com os compostos e tome muito líquido, chupe laranja e tangerina, coma uma banana ao dia e se alimente de forma consciente.

      na homeopatia leia:

      natrum mur e lycopodium, mas pense na sua irritabilidade e ansiedade.

      Euphatorium perf. pode estar na lista de leitura sim e se estiver, sugerimos 1 dose única de ch 30.

      coragem moça, as coisas precisam se aprofundar mais, um simples resfriado possui sinais que vc pode descortinar a seu favor.

      um abraço e bons estudos.

      a equipe.

      Excluir

Postar um comentário

A ÚNICA CONDUTA ACEITA PARA COMENTAR É A GENTILEZA.

Postagens mais visitadas deste blog

LYCOPODIUM CLAVATUM

GELSEMIUM - O REMÉDIO DAS GRANDES SENSIBILIDADES

IGNATIA AMARA - A CHAVE DO EQUILÍBRIO