Amigos do Blog

Pesquisar este blog

Carregando...

segunda-feira, 2 de agosto de 2010

E VIVA O CAFEZINHO...





É fato: pequenas pausas durante o horário de trabalho ajudam a aumentar o rendimento dos profissionais. Se tomar um café, melhor ainda. O tradicional cafezinho é um grande aliado no combate à sonolência, principalmente após o almoço ou depois de horas diante do computador. "O grande benefício do café é o efeito estimulante que ela provoca. No momento em que ele é ingerido, a pessoa se sente bem disposta, sua concentração aumenta e há uma melhora até no humor", afirmam os nutricionistas.
O que pouca gente sabe é que a cafeína representa apenas 1% do café e, em quantidades moderadas, faz bem ao organismo
Segundo estudos epidemiológicos realizados pela Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), em 2007, o consumo regular de café (até meio litro por dia, no máximo), pode ajudar a prevenir a depressão. Essa qualidade seria atribuída a uma substância descoberta recentemente na bebida: os ácidos cloro gênicos, que exercem ação direta no sistema de gratificação do cérebro (áreas que, quando estimuladas, produzem sentimentos de euforia).
Apesar dos benefícios, há muito preconceito em relação à bebida. Isso acontece devido à cafeína, tida como grande vilã. O que pouca gente sabe é que essa substância representa apenas 1% do café e, em quantidades moderadas, faz bem ao organismo. É ela a responsável por estimular o sistema nervoso, reduzindo a sonolência e o cansaço. Estudos indicam que há um aumento de até 15% na agilidade mental após a ingestão de cafeína.
O lado B
Que excessos fazem mal, nem é preciso lembrar. Em quantidade superior a 500 ml por dia (o equivalente a quatro xícaras grandes), a ingestão de café causa ansiedade, arritmia cardíaca, irritabilidade, dores de cabeça, insônia, tremores e diarréia. "A cafeína em excesso pode gerar dores estomacais, refluxo e, em alguns casos, até úlcera. Quem sofre de osteoporose precisa estar atento, já que a substância impede a absorção de cálcio no organismo", adverte a nutricionista Sandra Mendonça. As grávidas também devem ter cuidado já que, em altas doses, a cafeína pode provocar abortos.
Para desfrutar dos benefícios do café durante as horas de trabalho, é recomendado o consumo de, no máximo, três xícaras (pequenas) por dia, o equivalente a 150ml. "Essas xícaras devem ser consumidas de forma fracionada e nunca de uma só vez", que isso sirva de alerta. É importante levar em conta a alimentação. Todos sabem “que tomar café de estômago vazio faz mal.”
No mais: café bom é o café coado e feito na hora, joguem fora as garrafas térmicas. Depois de 20’ minutos essa preciosidade negra se transforma em acetona. Aí não vale a pena.
Na Homeopatia o café, ou melhor, Coffeea Cruda na CH 5 combate a insônia, aquela das agitações noturnas, que são causadas por medo, emoções fortes ou excesso de preocupação. Também é usada na fase das dentições dos pequenos, na CH 30 – 2 gotinhas pela manhã e antes de dormir.
Muitas outras pesquisas estão sendo feitas com o café e os benefícios relacionados a doenças do dia a dia. Este líquido muitas vezes chamado de vilão, pode surpreender.

HOMEOPATAS DOS PÉS DESCALÇOS

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Pesquise por matéria específica