Pular para o conteúdo principal

SAÚDE NO QUINTAL DA TENDA



UMA HORTA FAMILIAR

Isso mesmo, aqui temos um acampamento cigano e com muito pouco, provaram que um pequeno pedaço de terra bem cuidado pode se tornar num aliado na cura de algumas doenças. Assim, mantenha os exames e modifique a sua alimentação. Essa pequena horta pode ajudar e muito.



BETERRABA
  • Ajuda a desintoxicar o organismo;
  • Fonte de vitaminas, proteínas e ferro;
  • Manutenção dos tecidos cerebrais;
  • Auxilia na formação dos ossos;
  • Regula as funções musculares e nervosas;
  • Previne problemas no baço e no fígado;
  • Previne e auxilia no tratamento de anemia;
  • Promove o descongestionamento das vias urinárias;
  • Fortalecimento do sistema imunológico;
  • Estimula a produção de glóbulos vermelhos;
  • Estimula a concentração.
A beterraba possui várias propriedades nutritivas e medicinais; promovem o bom funcionamento do organismo e previnem doenças, como a anemia, e distúrbios do fígado e do baço, por exemplo.

A beterraba pode ser consumida em forma de salada crua ou cozida, em sopas ou tortas. A beterraba em forma de suco é utilizada para o tratamento de artrites e reumatismos.


A eficácia da beterraba contra a pressão alta deve-se a presença de nitrato nesse vegetal. Após 24h da ingestão do suco de beterraba é possível observar níveis regulares na pressão arterial, dessa forma esse remédio caseiro diminui o risco de problemas cardíacos e de AVC.

COUVE

Uma xícara de Couve tem apenas 36 calorias e zero gramas de gordura, o que faz com que seja uma grande ajuda na dieta. Além disso, uma xícara contém cerca de 20% da RDA de fibra dietética, que promove a digestão regular, previne a constipação, reduz o açúcar no sangue e freios excessos. A  Couve contém o isotiocianato de glucosinolatos (ITC) que combate a formação de H. pylori ( Helicobacter pylori ), um crescimento de bactérias no estômago que pode levar ao câncer gástrico.

O elevado teor de fibra da Couve reduz o colesterol por ligação com os ácidos biliares que o fígado produz a partir do colesterol pela digestão de gordura. Como muitos desses ácidos biliares são acoplados com fibra, o fígado é responsável pela produção de mais ácido biliar para digerir gordura e, portanto, requer mais colesterol para assim, em última análise, diminuindo a quantidade de colesterol dentro de nossos corpos.

SALSA E COENTRO


Salsa: Retenção de líquidos, celulite, insuficiência cardíaca, urina escassa, insuficiência renal, inapetência, anemia, esgotamento físico, dismenorréias. Tanto a raiz com as folhas e talinhos da salsa podem ser usados em chá diurético, estimulante, emenagogo e fortificante.

Coentro: Em partes da Europa, coentro tem sido tradicionalmente referido como uma planta “anti-diabético”, devido à sua capacidade maravilhosa em ajudar a reduzir o colesterol e diminuir os níveis de açúcar no sangue (ele possuir 521 mg de potássio por 100 gramas!). Indivíduos que sofrem de diabetes têm problemas de regulação e de manter seu açúcar no sangue estável. Coentro tem qualidades relaxantes musculares e pode agir como um sedativo leve. Ele acalma os nervos, ajudando a aliviar a ansiedade e reduzir os efeitos nocivos do estresse. Comendo coentro, pepino e suco de aipo após um longo dia é uma excelente maneira de entrar em vitaminas do complexo B para ajudar a acalmar a mente e ajudar a aliviar o stress.

Homeopatas dos Pés Descalços

Postagens mais visitadas deste blog

IGNATIA AMARA - A CHAVE DO EQUILÍBRIO

IGNATIA AMARA  E A SUA PERSONALIDADE HOMEOPÁTICA
O excesso de luz cega a vista.
O excesso de som ensurdece o ouvido.
Condimentos em demais estragam o gosto.
O ímpeto das paixões perturba o coração.
A cobiça do impossível destrói a ética.
Por isso, o sábio em sua alma
Determina a medida de cada coisa.
Todas as coisas visíveis lhe são apenas
Setas que apontam para o Invisível.

(Tao-Te King, Lao-Tsé) Lao Tsé não tinha conhecimento de homeopatia, mais permeou o mundo das observações de forma intensa e clara, ajudou a dar uma nova visão ao ser humano e até hoje seja no oriente quanto no ocidente, viaja nas mentes de muitos. Ao ler seu pequeno texto a uns bons anos atrás e já com alguma bagagem de filosofia homeopática, me deparei com este, acima citado. Para mim a tradução mais poética de uma personalidade Ignácia. Homeopatas dos Pés Descalços 

Citemos Allen - "As pessoas mentalmente e fisicamente esgotados por uma dor concentrada e prolongada" (Allen) ou ainda "A alteração das condições …

GELSEMIUM - O REMÉDIO DAS GRANDES SENSIBILIDADES

PERSONALIDADES HOMEOPÁTICAS MAT. CEDIDA POR ELISA MACIEL COSTA/ESP.EM HOM/ACUPUNTURA/FITOTERAPIA

Pessoas com grandes fraquezas, com intensa prostração física e mental, chegando ao embotamento cerebral. Medo de cair e de adoecer[*] Histeria e neuroses, comoções e maus efeitos do medo, o remédio das grandes sensibilidades. Sonolencia dos estudantes, as mulheres apresentam  rouquidão durante a menstruação. Sente-se incapaz de enfrentar a vida cotidiana, Incapacidade para assumir responsabilidades, nervosismo de "ator", medo de exames dos estudantes, de aceitar novas tarefas. Evita as aflições da vida. É muito utilizado nas febres agudas ou intermitentes em que há um desejo absoluto de repouso. Na sua grande maioria apresenta ausência de sede, sem calafrios ou suores, piorando à tarde. Seu uso facilita o parto em situações de rigidez do colo uterino e alivia as cólicas menstruais muito fortes.  Apresenta fisicamente uma enorme falta de tônus muscular, torpor, lassidão e tremores, Par…

LYCOPODIUM CLAVATUM

LYCOPODIUM – o medo do conflito
Lycopodium é sem sombra de dúvida, uma das matérias médicas mais extensas dentro da homeopatia e mais interressantes também. Esse indivíduo tem as fases da sua vida bem marcadas, pois apresenta um grande estado distinto entre a infância, a idade mediana e sua idade mais avançada.
Entretanto o Lycopodium se encontra envolto pela covardia, tanto social, moral e física, o que permite ao homeopata analisar de forma cuidadosa essa personalidade, tendo em vista sua enorme capacidade de ser extrovertido, amigável e corajoso, qualidades essas opostas da sua real condição.
Por medo do conflito, Lycopodium foge covardemente.
Seu maior amor será pelo poder e com certeza irá chorar quando for homenageado. A criança Lycopodium
Quando alguém vai a sua casa o seu filho refugia-se por trás dos cortinados ou recusa-se a cumprimentar as visitas? Num primeiro contato é envergonhado? Sempre que o repreende fica com as lágrimas ao canto dos olhos? Tem medo de fantasmas e de dormi…